Guia para a Liga Heroica – Parte III: A Arte do Carry

Uma das críticas mais comuns no HotS é que os jogadores individuais são muito dependentes da qualidade do jogo de seus companheiros de equipe para ganhar. Em outras palavras, é impossível para um jogador “carregar” a partida. A fonte dessa crítica é principalmente a base de jogadores com experiência em outros MOBAs (como DotA e LoL), onde um herói pode tornar-se forte o suficiente para derrotar sozinho cinco heróis inimigos. A mecânica diferente em HotS — particularmente a falta de itens — criou a percepção equivocada de que os jogadores individuais não podem ter impacto suficiente sobre um jogo que possa levar sua equipe à vitória. Esta percepção causa uma sensação de desesperança em jogadores que se sentem assim, e estão presos em um grande limbo do MMR. Como é o “carregar” no HotS Entender o “carregar” começa com uma compreensão de como as equipes vencem. O único objetivo que conquista a vitória é a...

Guia para a Liga Heroica – Parte II: Gameplay

Agora que nós descobrimos como escolher heróis, é hora de discutir o jogo. Vamos abordar este assunto a partir de inúmeros ângulos. O erro fatal A regra número um para um jogo correto é: “Não seja estúpido.” Os jogadores que rotineiramente são causas significativas de suas equipes perderem os jogos, eles simplesmente nunca irão alcançar o Ranque 1. Não importa o quão boa a mecânica de um jogador é, se um dos membros simplesmente não para de fazer besteira o tempo todo, o time irá perder. A completa eliminação dos seus próprios erros é o primeiro passo no caminho para o sucesso neste jogo. O único erro que os jogadores cometem, que na maioria das vezes custa a vitória das equipes, está em morrer desnecessariamente. Apesar do que os menos informados entre nós podem dizer, cada morte é significativa. Mesmo no início do jogo quando temporizadores de respawn são baixos, as...