O que a polêmica da Tracer diz sobre nossa comunidade?

29/03/16, por

Se existe uma empresa preocupada com a representação feminina nos seus jogos, essa empresa é a Blizzard. É tão curiosa essa preocupação, que mesmo personagens “criadas” para serem um pouco mais safadchênhas não seguem a linha de objetificação feminina que nós vemos em jogos como Tera Online ou Blade and Soul. Enquanto isso, no Heroes: E por que eu estou falando disso num site sobre Heroes of the Storm? Por causa da Tracer. A Tracer é uma personagem do Overwatch (clique aqui para conhecer o jogo), o novo FPS da Blizzard que ainda está em fase beta de desenvolvimento. Ela vai chegar no Heroes por volta do mês de abril e eu já sou main Tracer desde pequenininha, pois além da sua jogabilidade incrível, bem parecida com o Weaver do Dota 2 (o jogo de onde eu vim), ela tem uma personalidade fofa, inocente e bastante brincalhona. Em qualquer vídeo...

“Eu Manjava das Magias” – O Novo Kael’thas

23/03/16, por

Eis que a pessoa que vos fala passa duas semanas estudando um herói para trazer um post super completo pro site e a Blizzard, muito marota, me lança um dos maiores reworks, tudo no dia que eu ia postar. Fiquei assim: Graças a Cenarius, a mudança no herói modificou apenas talentos que potencializam a função que eu já havia falado no primeiro post: O Zoning. Agora, mais do que nunca nessa vida, sua função é reposicionar o inimigo com seu novíssimo Golpe Flamejante potencializado e sua Bomba Viva que se propaga indefinidamente. Sim, meus caros, É HORA DE CHAMAR O BOMBEIRO, porque a bomba viva eterna está de volta. Preparem-se para subir de rank matando cotoco por cotoco, que não vão se mover quando você espalhar sua bomba. Então, vamos aproveitar antes que a Blizzard meta um nerf nesse talento. Porque o choro vai ser livre agora que nossa diva...

“Eu Manjo das Magias” – Kael’thas

22/03/16, por

Num oferecimento Risqué, em parceria com a L’Oréal Paris, chegou a hora de falar da dona dos cabelos mais invejados do Nexus, dona das unhas mais compridas e mais vermelhas que Azeroth já viu. Ela, Kael’thas! Eu A-MO o conceito desse herói, gente, sinceramente, ele não poderia ser mais crocante do que é. Aquelas ombreiras enormes contrastando com perninhas de sabiá, suas frases de efeito e magias de fogo, são apaixonantes! Mas por trás dessa pele de gata, se esconde uma loba pronta para explodir todo mundo com seu dano pesado e combos que já foram mortais. Kael, infelizmente, mesmo depois de sofrer mais modificações que o rosto do Michael Jackson, ainda só possui uma build competitiva viável, que é essa: E eu digo que tentei, viu? Tentei jogar inúmeras ranqueadas com a build do Golpe Flamejante, mas perde-se muita capacidade de poke com ela e desisti de continuar, porque meu...

“Eu Manjo das Magias” – Jaina

18/03/16, por

Ei, gente! Tudo bom? Então, post de estreia aqui no site mais crocante, mais delicioso e mais anti-aderente da internet brasileira. Meu nome é Sarah e antes de começar a explicar que título maluco é esse, vou falar um pouquinho da minha relação com o Heroes, pra gente se conhecer melhor, ficar íntimo, trocar umas figurinhas pra ganhar aquela panela de pressão (o sonho de toda criança, só que não) quando completar o álbum. Eu venho do Dota, mas desde que conheci o Heroes, lááá na época do Beta fechado ainda, não quis mais saber de outra coisa. Desde então jogo diariamente, muitas horas por dia e já gastei mais de 1 milhão de reais em barras de ouro com skins, que valem mais do que dinheiro.  Todo esse vício me contabilizou cerca de 4 mil partidas e um muito suado Rank 1… é… eu SEI o que vocês presos no...