Muradin

Rei da Montanha

Sobre o Herói

Apesar de ter sido um dos mentores de Arthas, Muradin não conseguiu impedir sua corrupção. Após se recuperar de um leve caso de amnésia, ele é hoje o líder do clã Barbabronze após a transformação de seu irmão, o rei Magni, em diamante.”

Muradin é um herói Guerreiro de combate corpo a corpo trazido do universo de Warcraft. Representante da raça dos anões e líder de seu povo, sua principal característica é ser um personagem com excelente poder de controle coletivo e capacidade de regeneração, a exemplo do herói de Warcraft III no qual foi inspirado, o Rei da Montanha. Não há muito espaço para delongas aqui, pois este é, sem qualquer dúvida, um dos melhores heróis na função de guerreiro do jogo, como se pode comprovar por sua frequente aparição em partidas competitivas.


Considerações Iniciais

Como acabei de dizer, Muradin é a personificação da função de tank e um dos heróis mais másculos do jogo, ao lado de Sonya e Johanna. Além de uma imensa quantidade de vida e capacidade de autocura, ele dispõe também de ótimos talentos de defesa e de melhoria de seu controle coletivo, o que ajuda a proteger não somente a si mesmo mas também seus companheiros, além de um ou outro bom upgrade em seu potencial de dano. Sem querer fazer piada com a origem dos anões de Warcraft, mas um Muradin bem jogado pode ser uma pedra no sapato do time adversário.

Sua boa versatilidade permite criar ótimas builds para diversos tipos de composições e mapas diferentes, podendo variar seu teor de dano (de herói e cerco), controle e sobrevivência de acordo com a necessidade do momento. Para saber quais são os melhores talentos para você, isso vai depender principalmente do mapa onde está ocorrendo a partida e das composições dos dois times, além, é claro, do seu estilo de jogo. Se já tiver outro guerreiro na sua equipe e ela estiver carente de dano, não hesite em focar nessa característica. Por outro lado, se já possuir dano suficiente e precisar mais de um bom protetor, então vale muito a pena favorecer esse aspecto. Enfim, recomendo testar as diversas possibilidades sem preconceito e descobrir por si mesmo qual é a melhor para você.


Visão Geral

Pontos Fortes

  • Melhor controle coletivo do jogo
  • Altíssima capacidade de sobrevivência
  • Ótima habilidade básica de fuga, perseguição e body blocking
  • Árvore de talentos rica e cheia de boas opções
  • Potencial para dano de cerco, com os talentos corretos
  • Detentor do poder do Avatar, a habilidade heróica mais legal do jogo

Pontos Fracos

  • Baixo dano e burst quase nulo
  • Baixa capacidade de wave clearing
  • Ruim na captura de acampamentos mercenários


Habilidades Básicas e Especialização

Para ilustrar melhor como funcionam as habilidades de Muradin, tomei a liberdade de roubar tomar emprestado esse vídeo feito para o guia oficial do site pela menina-prodígio Bruna Becker, antiga colunista do WoWGirl.

Seta Tempestuosa (Q): 60 de mana – Recarga de 10 segundos – Muradin arremessa seu martelo, causando dano moderado e atordoando por 1,5 segundo o primeiro inimigo atingido no caminho.

Dicas: Essa é sua principal habilidade de atordoamento. Use-a para cancelar habilidades canalizadas, atrasar inimigos em fugas e perseguições ou simplesmente para incomodar heróis importantes do time inimigo durante as team fights.

Trovoada (W): 50 de mana – Recarga de 8 segundos – Muradin bate com seu martelo no chão, causando danos leves na área ao seu redor e reduzindo em 25% a velocidade de movimento dos inimigos atingidos por 3 segundos.

Dicas: Essa é uma das mais belas ferramentas de controle coletivo do jogo. Além de causar lerdeza e dano, é possível reduzir também a velocidade de ataque dos seus inimigos se o talento Reverberação for escolhido no início do jogo.

Arremesso de Anão (E): 70 de mana – Recarga de 12 segundos – Muradin salta para a área alvejada, causando danos leves ao aterrissar.

Dicas: Essa é a sua grande ferramenta de mobilidade, sendo possivelmente a melhor habilidade para essa função ao lado de Poder de El’druin de Tyrael. Use-a para escapar de situações de risco, dar body block em inimigos encurralados ou fugir de danos pesados em área. E sim, com essa habilidade é possível saltar sobre obstáculos físicos como paredes ou outros heróis!

Fôlego Renovado (Passivo): Habilidade de Especialização. Após passar 4 segundos sem tomar dano, Muradin ganhará uma enorme regeneração de vida por segundo. Se estiver abaixo dos 40% de sua vida máxima, a regeneração é dobrada.

Dicas: Essa é uma das habilidades de especialização dos sonhos de qualquer guerreiro. Com ela, Muradin estará preparado para a luta sempre que necessário, pois sua alta regeneração raramente permitirá que sua vida fique baixa por muito tempo. Sério, basta ficar uns dez a quinze segundos fora de combate e pronto, você já está quase novo, quase como se tivesse usado a fonte de restauração.

Conhecimento inútil: o nome desta habilidade na versão original em inglês (Second Wind, assim como um dos talentos de Guerreiro em World of Warcraft) deriva de um “fenômeno” em que um atleta profissional encontra forças para continuar a correr mesmo após estar cansado e sem ar, como uma espécie de energia extra. Alguns cientistas acreditam haver explicações fisiológicas por trás de tal fenômeno, enquanto outros acham que ele é puramente psicológico. (Fonte: Wikipedia)


Talentos

Como costuma dizer a Natalia, não existe escolha correta de talentos. Para saber qual é a melhor opção, é preciso avaliar diversos fatores, sendo os principais deles, no caso de Muradin, a necessidade do seu time e a composição do time inimigo. Nos parágrafos a seguir, tentarei analisar os talentos de forma imparcial, dando minha opinião sobre cada um deles com base em testes que eu mesmo fiz enquanto jogava e coisas que li em guias estrangeiros. Vamos lá?

Nível 1

Tesmpestade Perfeita (Q): O dano da Seta Tempestuosa aumenta permanentemente em 5 pontos a cada vez que ela atinge um herói inimigo.

Bloqueio (Passivo): A cada 5 segundos, você pode bloquear o ataque básico de um inimigo, reduzindo em 50% o dano causado. Acumula até 2 cargas.

Martelo Infundido (Q): Seta Tempestuosa restaura 45 de mana por inimigo atingido.

Reverberação (W): Inimigos atingidos por Trovoada têm sua velocidade de ataque reduzida em 50% por 3 segundos.

Análise: Logo de cara temos dois bons talentos defensivos com Bloqueio e Reverberação. Ambos funcionam muito bem contra inimigos com dano focado em ataques básicos, mas prefiro o segundo por atingir em área e combar muito bem com outro ótimo talento do nível 4, o Trovão Calcinante. Se a composição do time inimigo tiver um ou mais desse tipo de herói, não pense duas vezes! Porém, em caso caso contrário (ou se estiver faltando dano na composição do seu time), Tempestade Perfeita se torna uma boa escolha, especialmente se combada com o talento Seta Perfurante do nível 7. Com o tempo, o aumento gradativo do dano se torna relevante e melhorará um pouco sua falta de burst. E, por fim, o talento Martelo Infundido é até bonzinho, mas considero-o o pior desse tier por não agregar poder de combate a Muradin e também por que mana não é um grande problema para ele, pela minha experiência.


Nível 4

Controle Coletivo (W): Cada inimigo atingido por Trovoada diminui o cooldown dessa habilidade em 0,75 segundo.

Marreta (Q): Seta Tempestuosa causa 400% de dano contra minions, mercenários e estruturas, além de destruir 4 munições das mesmas.

Fôlego Triplicado (Especialização): Aumenta consideravelmente a regeneração concedida por Fôlego Renovado, e eleva para 50% a quantidade de vida abaixo da qual ocorre regeneração dobrada.

Trovão Calcinante (W): Trovoada cria uma zona na área atingida que explode após 2 segundos, causando dano extra e aplicando o efeito de redução de movimento em 25% por 2,5 segundos.

Análise: Esse é um dos tiers mais bem construídos de todo o jogo em termos de equilíbrio, na minha opinião. Como disse anteriormente, Trovão Calcinante é excelente para combos com outros talentos que beneficiam Trovoada, sendo de longe a melhor escolha para esse tipo de build. Marreta é uma ótima ferramenta para potencializar seu dano de cerco e também faz um belo combo se somada aos talentos Seta Perfeita do nível 1 e Seta Perfurante do nível 7. Em mapas que envolvem mecânicas de matar criaturas (Campo de Batalha da Eternidade, por exemplo) esse talento faz um belo estrago e ajuda bastante. Portanto, essa é a escolha se dano de cerco for mais importante para seu time do que crowd control. Controle Coletivo, apesar de não ser ruim de tudo, é aquele que considero a pior opção desse tier, pois necessita que se atinja múltiplos alvos para ter efeito significativo, o que nem sempre é possível. E, por fim, Fôlego Triplicado é um ótimo talento defensivo que vai fazer você se sentir o próprio Wolverine, mas considero-o um pouco inferior aos demais por achar seu efeito limitado em combate e acreditar que a regeneração básica de Fôlego Renovado já é boa o suficiente por padrão.


Nível 7

Seta Perfurante (Q): Sua Seta Tempestuosa atravessará o primeiro alvo atingido, tendo possibilidade de atingir um alvo adicional.

Impulso de Pouso (E): Muradin recebe aumento de 20% de movimento por 4 segundos após aterrissar com Arremesso de Anão.

Calor da Batalha (Passivo): Seus ataques básicos reduzem em 0,5 segundo o cooldown de suas habilidades básicas e heróica.

Rachacrânios (Passivo): Todo terceiro ataque básico consecutivo contra o mesmo alvo causará atordoamento de 0,25 segundo ao mesmo.

Análise: Ao contrário do tier anterior, esse é um dos que considero mais engessados e desequilibrados para Muradin. Sem delongas, a melhor escolha quase sempre é Seta Perfurante, por aumentar imensamente seu potencial de crowd control e combar muito bem com outros talentos voltados para fortalecer sua Seta Tempestuosa. Empatados em segundo lugar vêm Calor da Batalha e Impulso de Pouso, mas ainda assim bem abaixo do primeiro. A redução de cooldown de Calor da Batalha é até bacaninha, mas a velocidade de ataque de Muradin não é nenhuma maravilha para torná-la realmente significativa. Da mesma forma, o modesto aumento de velocidade oferecido por Impulso de Pouso pode até ser útil em perseguições e fugas, mas seu benefício não se compara ao de Seta Perfurante, na minha opinião. E, por fim, Rachacrânios é aquele que considero a pior opção desse tier. Convenhamos que 0,25 segundo de atordoamento é tão simbólico que serve somente para interromper habilidades canalizadas, e mesmo nesse caso específico ainda vejo a Seta Tempestuosa como uma ferramenta muito mais confiável e efetiva, uma vez que pode ser utilizada à distância e não depende da medíocre velocidade de ataque de Muradin.


Nível 10: Habilidades Heróicas

Avatar (R): Recarga de 100 segundos – Muradin se transforma num colosso de pedra, suor e testosterona por 20 segundos, ganhando um grande aumento em sua vida durante esse período.

Apagão (R): Recarga de 40 segundos – 80 de mana – Muradin dá um socão que causa grande dano ao inimigo alvejado, atordoando-o e atirando-o para trás. Os demais inimigos que forem atingidos pelo caminho sofrerão um pequeno dano e serão empurrados para trás também, como se fossem pinos de boliche (a habilidade tem esse efeito sonoro, inclusive).

Análise: O veredito visto em quase todos os guias que se encontra por aí é quase unanimemente a favor de Avatar, e o meu não será diferente. Mesmo com o recente nerf que removeu o poder de causar mini atordoamentos com ataques básicos, o enorme aumento de vida concedido por essa habilidade heróica fará de você uma espécie de Jason do Heroes of the Storm, especialmente se utilizado em conjunto com o talento Forma de Pedra do nível 16. Sério, com esse combo eu já consegui escapar sozinho de uma tentativa de gank de uma Jaina, uma Nova e um Falstad juntos, e com todos eles queimando suas heróicas pra tentar me matar! Numa team fight, ou o inimigo desperdiça seu tempo tentando te matar ou te deixa livre para atormentá-lo com seu crowd control. Muito bom, não? Já quanto a Apagão, tentei escolhê-lo algumas vezes e achei simplesmente medíocre, na melhor das hipóteses. O dano é bom e o cooldown bastante amigável, mas o efeito de knockback tem pouca utilidade para um guerreiro que tem a pretensão de se manter colado aos inimigos. Fora isso, você precisaria abdicar do enorme ganho de sobrevivência oferecido por Avatar, o que eu realmente não creio que valha a pena.


Nível 13

Raiva Ardente (Passiva): Muradin ganha uma aura ofensiva que causa uma pequena quantidade de dano por segundo aos inimigos ao redor. Esse efeito permanece desativado enquanto ele estiver montado.

Cura Estática (W): Trovoada recupera 1,5% de sua vida máxima para cada inimigo atingido.

Golpe do Trovão (W): Se atingir apenas um alvo, Trovoada causa dano triplicado contra ele.

Escudo Mágico (Passivo): Ao receber dano de habilidade, Muradin recebe um escudo que reduz todo o dano de habilidade recebido pelos próximos 3 segundos, incluindo a habilidade que disparou o efeito. O escudo só poderá se ativar novamente após 30 segundos.

Análise: Logo de cara temos nesse tier duas boas opções ofensivas, Raiva Ardente e Golpe do Trovão. O primeiro é um talento genérico de guerreiros que aumenta consideravelmente o output geral de dano sem gasto adicional de mana, uma ótima opção caso seu time esteja carente de poder ofensivo. O segundo – um dos meus talentos favoritos de Muradin -, uma arma secreta que aumenta imensamente seu burst e pode causar uma surpresa bem desagradável para inimigos com pouca vida, como Valla e Morales. E sim, ele também comba muito bem com demais talentos de Trovoada! Sério, já perdi as contas do tanto de finalizações épicas que eu já consegui por causa de Golpe do Trovão. Porém, se houver no time adversário um ou mais heróis focados em dano de habilidade (como Jaina e Kael’thas) e isso estiver te incomodando, então a escolha recomendada é Escudo Mágico, outro talento genérico que cumpre corretamente a função para a qual foi criado. E, enfim, penso que Cura Estática se trata da pior opção desse tier, pois a cura oferecida é bem modesta de modo geral e depende de sua capacidade de fazer a Trovoada atingir um grande número de inimigos para ser efetiva, o que nem sempre é possível numa team fight.


Nível 16

Lançamento de Anão (E): Aumenta em 50% o alcance e o raio de impacto de Arremesso de Anão.

Impacto Pesado (E): Inimigos atingidos por Arremesso de Anão sofrem atordoamento de 0,75 segundo.

Machado Neles! (Passivo): Seus ataques básicos causam 75% de dano extra contra inimigos sob efeito de desaceleração, atordoamento ou enraizamento.

Imponência (Passivo): Inimigos que atacam você têm sua velocidade de ataque reduzida em 40%. Se trocarem de alvo, o debuff é removido automaticamente.

Forma de Pedra (Especialização): Fôlego Renovado passa a ter um efeito ativo que pode ser utilizado com a tecla D. Ao ser ativado, esse efeito restaura 50% de sua vida máxima ao longo de 8 segundos. Durante esse período, o efeito passivo de Fôlego Renovado fica inativo. Recarga de 60 segundos.

 

Análise: Vamos começar pelas coisas boas? Logo de cara, temos duas excelentes opções defensivas com Forma de Pedra e Imponência. A primeira é um talento de funcionamento bastante simples, mas capaz de elevar absurdamente sua sobrevivência se combado com o aumento de vida de Avatar. Sério, cara, é muito bom imaginar a cara de trouxa dos inimigos quando eles estão crentes que vão te matar e de repente sua vida começa a se encher do nada! Funciona bem contra qualquer composição e costuma ser minha escolha padrão, exceto no caso de o time inimigo ter pelo menos dois heróis focados em ataques básicos, como Raynor e Valla. Nessa circunstância, Imponência oferece redução de dano quase ímpar, pois corta o mal pela raiz. Porém, se sua composição estiver carente de dano e você quiser ajudar nesse aspecto, então temos Machado Neles! como uma ótima alternativa, pois Muradin é o crowd control em pessoa e por isso terá uma longa janela para se aproveitar do bônus oferecido por esse talento. Quanto a Lançamento de Anão e Impacto Pesado – ambas melhorias oferecidas para Arremesso de Anão -, considero-as bastante razoáveis, mas ainda inferiores às alternativas desse tier, motivo pelo qual não recomendo sua escolha. Mas, se alguém quiser advogar a favor delas, fique à vontade.


Nível 20

Escudo Fortalecido (Ativo): Recarga de 60 segundos. Ative para reduzir em 75% todo o dano recebido pelos próximos 4 segundos.

Voltar (Ativo): Recarga de 60 segundos. Ative para concluir imediatamente a recarga de suas habilidades básicas.

Força Implacável (R): Aumenta em 30% (6 segundos) a duração de Avatar e reduz em 75% todos os efeitos debilitantes enquanto se está nessa forma. Esse talento só estará disponível se você tiver escolhido a habilidade heróica Avatar no nível 10.

Batidão (R): O dano de Apagão é aumentado em 25%, o custo de mana reduzido de 80 para 40 e Muradin poderá acumular até 2 cargas dessa habilidade. Esse talento só estará disponível se você tiver escolhido a habilidade heróica Apagão no nível 10.

Análise: Pra fechar com chave de ouro, nada como mais um ótimo tier. Escudo Fortalecido, como sempre, é uma excelente escolha para builds puramente defensivas, sendo provavelmente o melhor talento de tanking do jogo. Sob efeito desse talento e com seu Avatar ativo, meu amigo, você vai sobreviver até a uma bomba nuclear e ainda sair dando risada. Preciso falar mais alguma coisa? Acho que não. Outra boa opção é Voltar, que pode ser uma alternativa caso você sinta que sua sobrevivência já está suficientemente alta e que pode se beneficiar melhor de um aumento no seu potencial de crowd control. Com esse talento, você poderá resetar instantaneamente o cooldown de suas habilidades básicas e encadear usos consecutivos de Seta Tempestuosa e Trovoada, além de poder, é claro, ganhar uma nova oportunidade de utilizar Arremesso de Anão para fugir de uma situação de risco. O veredito? Analise bem a necessidade do jogo, pois ambas as escolhas são muito boas. Quanto às melhorias voltadas para as habilidades heróicas, considero Força Implacável uma escolha extremamente situacional e por isso pouco recomendável. A menos que o time inimigo tenha um potencial de crowd control que realmente compense a redução de efeitos debilitantes oferecida, não vejo muita utilidade nesse talento, pois a duração de Avatar já é bem alta por padrão, mais do que o suficiente para uma team fight. Já Batidão, nunca sequer experimentei esse talento e recomendo que faça o mesmo, pois simplesmente não compensa escolher Apagão como sua habilidade heróica.


Builds Sugeridas

Punho de Pedra

Punho do Trovão

Punho da Terra


Considerações Finais

Espero que esse guia ajude aqueles de vocês que tiverem interesse em jogar com o poderoso Rei da Montanha e atual representante do clã Barbabronze no Conselho dos Três Martelos. Muradin é um dos meus heróis favoritos e também um dos melhores guerreiros disponíveis atualmente, sendo uma das escolhas mais frequentes em jogos competitivos. Apesar de seu poder ofensivo limitado, sua sobrevivência e poder de proteger seus aliados fazem de Muradin um herói simplesmente fantástico no campo de batalha.

Bom, é isso. Se você também tem alma de pedreiro e curte jogar com heróis brutos, recomendo que não deixe de testá-lo, pois ele é um dos melhores do jogo nesse aspecto, sem qualquer sombra de dúvida!

Saudações e até a próxima, aventureiro!

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0