X

Se você é um ávido gamer, online ou não, você já deve ter ouvido falar do fenômeno do Tilt. O termo descreve um estado mental de confusão/frustração que leva o jogador a adotar estratégias não-ideais e se tornar agressivo. Isso ocorre com frequência nos jogos em que há sorte envolvida, depois da pessoa passar por situações de azar extremo — como Poker, ou Hearthstone.

Em Heroes of the Storm e outros MOBAs, o Tilt ocorre comumente em situações de pressão extrema, ou após várias derrotas seguidas. Você também pode passar pelo Tilt isso após vencer muitas vezes seguidas, pois torna-se confiante demais e acaba cometendo erros bobos e se expondo. Não há nada mais frustrante do que perder um jogo que estava na sua mão — principalmente quando ocorre por causa de um erro seu. E aí o Tilt começa.

O impacto do Tilt no seu jogo

Quando você sofre o Tilt e continua jogando, o impacto é bem claro; você vai errar habilidades, tomar decisões ruins e se expor desnecessariamente. E nessa hora, eventualmente, alguém da sua equipe vai te criticar no chat por isso, o que piora ainda mais a situação. Dependendo do seu temperamento, a pessoa que vai descontar toda a frustração no chat será você mesmo. Com a discussão rolando no chat, você começará a cometer mais erros, como usar as habilidades fora de sincronia com a dos outros membros da equipe ou se posicionando de uma maneira ruim. Resultado: Sua equipe vai começar a trocar ofensas, você vai perder a concentração, e você vai perder o jogo.

O Tilt não está necessariamente atrelado a discussões no chat.  O nervosismo por si só de ver sua partida afundando pode te fazer tiltar.

“Só vou parar depois de ganhar uma”

Enquanto insistir em jogar tiltado, você entrará num ciclo de frustração; Você estará nervoso, o que te fará jogar mal. Quando estiver jogando mal e perdendo o jogo, você ficará ainda mais nervoso, culpando os outros e/ou discutindo no chat. Depois de perder, você vai entrar em outra partida, por causa da mentalidade de “só paro quando ganhar uma” — e a situação anterior vai se repetir, ficando cada vez pior.

Lidando com o Tilt

O primeiro passo para corrigir um problema é reconhecê-lo — disse algum autor por aí.

Para lidar efetivamente com o Tilt, você precisa primeiramente reconhecer que você está alterado. Parece fácil, mas não é, principalmente se você for teimoso como eu. Então, para ajudar, você pode estabelecer uma regra: Após 3 derrotas consecutivas, dê uma pausa. Vá esticar as pernas, buscar um salgadinho na cozinha, beber uma cerveja, tirar foto do seu gato — qualquer coisa que te afaste do jogo por uns 15 minutinhos. Alguns gostam até de jogar outro jogo rápido numa hora dessas — como Hearthstone ou Overwatch — , mas é algo que eu não recomendo muito, porque o nervosismo pode se arrastar se você perder lá também.

Não posso ficar parando, preciso treinar — disse algum jogador por aí.

Se você leu tudo o que eu falei até agora, já deve ter percebido que insistir em jogar tiltado não vai te trazer nada de bom. Mas isso não significa que você não pode aproveitar esse tempo para te auxiliar no conhecimento de jogo. Dê uma analisada nos seus últimos replays, identifique onde você errou. Às vezes, aquela teamfight poderia ser diferente se você estivesse mais recuado, ou se não tivesse errado aquele skillshot. Pode não parecer nada demais, mas analisar seus próprios replays é crucial para evoluir como jogador.

A auto-confiança em excesso, como eu disse no início, é a porta de entrada para o Tilt. Para evitar esse problema, você precisa analisar as suas vitórias com o mesmo olhar crítico das suas derrotas.

Uma outra dica que pode te ajudar é jogar com o chat mutado — mas tenha em mente que você pode perder calls e estratégias importantes.

Tiltando em Campeonatos

Jogadores jovens, velhos, amadores ou profissionais — todos passam pelo Tilt. No caso de um jogador profissional ou aspirante, a pressão de um campeonato contribui muito para aumentar o nervosismo; o pensamento de “é agora ou nunca” é real. Em campeonatos presenciais, além da pressão para conseguir a vitória, você tem câmeras, espectadores e narradores analisando cada movimento seu.

O Tilt em um campeonato ocorre de duas formas: quando você está perdendo de lavada; ou quando você está ganhando de lavada e o outro time vira o jogo — esse último caso ocorre normalmente quando há excesso de auto-confiança. Para saber controlar o nervosismo nessa hora, é necessário já ter praticado dentro de casa. Tome uma água entre os jogos, descontraia junto com seus companheiros de equipe, e deixe para apontar dedos somente depois que todos os jogos acabarem. Analisem juntos os pontes fracos e fortes da partida, e partam para a próxima tendo em mente o que deu errado — ao invés de culpar os membros individualmente.


Em suma, o Tilt é um dos seus maiores inimigos na hora de melhorar como jogador, pois faz você insistir em erros bobos por causa de nervosismo e frustração. Saber identificá-lo e criar regras para driblá-lo te ajudará muito mais do que você pensa.  Lembre-se de que na hora do Tilt, você é o seu maior inimigo e aliado ao mesmo tempo.

Apesar de voltadas a Heroes of the Storm, muitas dessas dicas se aplicam a outros jogos. Pratique, e observe se você melhorou como jogador nesse tempo.

 

Arte de Destaque: Krys Decker

Compartilhe este post!
Share on Facebook61Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0