X

Na madrugada dessa sexta-feira pudemos conferir uma stream muito especial no canal da Missclicks (Anna Prosser), um episódio especial de Eye of the Storm com a presença de Kent-Erik “Centaurik” Hagman, game designer de Heroes of the Storm.

Nesse episódio foram reapresentados o heróis Li Ming e Xul, que serão os próximos a entrarem no Nexus. Centaurik começou citando certa dificuldade da equipe em encontrar a “maga perfeita”, quando eles sentaram e definiram que um dos próximos heróis seria a arcanista de Diablo III, um leque enorme com dezenas de opções se abriu à frente dos devs.

Li Ming seria uma personagem forte, de atitude, beirando a arrogância. Com isso em mente ela só poderia ser uma personagem difícil de jogar, que pede atenção e muita habilidade em skillshot daqueles que desejam dominá-la no campo de batalha.

Como foi comentando anteriormente em nossa lista de habilidades, Li terá uma restrição muito forte de mana. Jogadores que não souberem gerenciar a mana terão muita dificuldade de agir na hora certa, é nesse ponto que heróis aliados como Malfurion serão uma ajuda e tanto.

Um teaser bacana foi revelado: a Heroica Disintegrate será uma espécie de raio de longo alcance (mais longo que a Heroica do Diablo), flutuante e que com capacidade de seguir os adversários – controlado pelo cursor do mouse!

Em seguida tivemos uma visão mais profunda de Xul. Segundo Centaurik, os devs tiveram dificuldade em integrar o folclore do personagem e criar um herói de jogabilidade única. A Blizzard não queria outra Zagara ou Azmodan, e por isso o Necromante acabou saindo um pouco diferente do que os seus fãs esperavam.

Xul acabaria se tornando injogável se houvessem muitos esqueletos na sua tela (8+), para resolver esse problema a equipe de devs resolveu focar Xul como um herói debuff — ou seja, ele penaliza os heróis adversários com suas habilidade — mas ainda mantendo sua característica como necromante através da passiva.

Ainda não ficou claro se Xul será um especialista ou um guerreiro, em certo momento da entrevista Centaurik comenta que ele acredita que Xul é um “off-tank, ele não serviria como solo tank”. Mas ao mesmo tempo ele é comparado a especialistas como Zagara e Azmodan — Heróis esses que devem sofrer nas mãos do necromante, pois ele irá atrapalhar o controle e push de lane muito forte na Zagara, através de sua passiva. Xul e seus esqueletos também terão um controle forte de lane, funcionando muito bem como um herói de push — não deixem Xul livre e solte na lane!

Extras

Em perguntas rápidas Centaurik revelou alguns detalhes a mais:

Esqueletos do Xul são sua passiva — ativados automaticamente, eles podem atacar alvos diferentes;

Xul deve ser Especialista ou Guerreiro “Único”;

Durante a entrevista Centaurik deixou passar que Lunara receberá outras mudanças em breve!

O vídeo completo do episódio especial está disponível no canal MissClicks, mas infelizmente só pode ser assistido por aqueles que assinam o canal.

Estamos super empolgadas com os dois novos heróis, quais são suas expectativas para eles?

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0