X

Sem sombra de dúvidas Rehgar Fúria da Terra tem uma legião de jogadores que ao mesmo tempo nutre amores por ele também o odeia por conta de sua versatilidade tanto em dano e cura “simultâneas” e, mais especificamente, uma de suas Habilidades Heróicas que traz vida ao inimigo quase moribundo acabando com a diversão de muitos em derrotar a equipe inimiga dentro das team fights. Um dos suportes com classificação média quase que invencível de Heroes of the Storm está dando as caras aqui no Girls of the Storm, para as dicas pós-compra daqueles que juntaram seu gold suado de cada dia para tê-lo na sua grade de personagens. Vamos lá?

  • Para conferir o guia completo com a descrição de todas as habilidades do Rehgar é só clicar aqui!

Curando até a alma

A habilidade Cura Encadeada (Q) é uma das maravilhas de Rehgar, pois cura 650 de vida do alvo que você escolheu além de irradiar 325 de vida para cada aliado ao seu redor (sendo que pode te curar também). Sempre se mantenha atento ao seu posicionamento e dose sua quantidade de mana para manter seus aliados com uma quantidade de vida suficiente para empurrar lanes ou aguentar as team fights durante o jogo.  Normalmente jogo com ele recuado e prestando atenção nos movimentos que o meu time faz, pois dependendo de como está a minha partida, posso avançar e auxiliar com dano na batalha curando meus aliados ao mesmo tempo. Nessas horas, não tenha medo de usar o (Z), que falaremos ainda nesta matéria.

Uma boa observação é que sempre que puder mire a Cura Encadeada no aliado que houver mais necessidade de vida, deixando irradiar nos aliados que não perderam tanta vida no jogo. Não se atentar a isto pode ser considerado um erro e é provável que se tornará crucial para o time inimigo dominar você. Claro, existe exceções como se você não consiga chegar no aliado que precisa de uma ajuda extrema, ao menos jogando a Cura Encadeada em um aliado próximo a ele, um pouco de vida irá chegar (E se mesmo assim não adiantou, ele sabe que você fez de tudo para cura-lo ).

Eletricidade Amiga

Vejo muitos jogadores utilizarem o Escudo de Raios (W) apenas para benefício próprio. Por um lado, não é errado, ainda mais quando você está aumentando o XP (experiência) da sua equipe matando os lacaios, porém considero que a principal serventia dele é ajudar o seu aliado, pois além dos 68 danos que o Escudo de Raios solta em inimigos próximos, ele também concede 136 de dano adicional para quem foi contemplado. Normalmente eu jogo o Escudo de Raios nos personagens assassinos da minha equipe, como no Kael’thas por exemplo. E fique tranquilo que no nível 16, caso necessite dentro do build que você almeja, você pode ativar o Talento Elo Elétrico  que te concede também o Escudo de Raios além do seu aliado e você poderá causar altas peripécias no seu jogo.

As Heróicas do Reghar

 Os próximos tópicos são de extrema importância e atenção, querido jogador. Está na hora de falar da parte mais decisiva de seu Rehgar que é a escolha da Habilidade Heróica, que sempre deve estar pautada no build em que você está fazendo.
A menos usada (no meu ver, apenas quando o time tem um bom engage que utilizam) é a Sede de Sangue, que dá aos Heróis aliados próximos 40% de Velocidade de Ataque e 30% de velocidade de Movimento em consideráveis 10 segundos, garantindo aquela fuga certeira ou uma agressividade quando você partir para cima de seus inimigos. Personagens de dano alto, quando são agraciados pela Sede de Sangue, brincam ~literalmente~ no mapa.
A segunda, mais querida pelos aliados e odiada pelos inimigos é a maravilhosa Cura Ancestral.  Imagine estar em uma situação que em que na team fight o seu tank, um Muradin por exemplo, está dando os seus últimos suspiros e não aguentará apanhar mais do time inimigoseu time começa a se desesperar.  Então aparece Reghar, como Cristo veio ao mundo e lança sobre ele a Cura Ancentral, restaurando TODA a vida daquele Muradin em segundos, como se tivesse ido na base. É de renovar as esperanças naquela team fight até então perdida na cabeça dos seus aliados. Então fica a dica essencial para quem faz build de cura.

Lobo Fantasma, a melhor coisa que existe

Vivo em um grande dilema quanto ao Lobo Fantasma: sou fanática por ele. Particularmente dou um enfoque maior a ele na escolha dos talentos pelos benefícios que ele traz (como se curar em forma de lobo por exemplo).  O Lobo Fantasma é a Especialização e a “montaria” do seu Rehgar já que nesse caso ele vira um belo Lobo, ganhando movimento equivalente aos jogadores que ativam montaria, só que com um detalhe: Não possui um tempo absurdo para transformá-lo (quase instantâneo) e de quebra dá 100% a mais de dano em forma de Lobo (mas você volta a ser um Rehgar instantaneamente após o ataque).

Aliás, já viram o arraso que é ele em forma de Lobo com a skin master?

A importância do posicionamento com o Totem

Já pensei no início de certa forma e sempre vejo gente dizendo que o Totem é completamente inútil apenas por não saber manuseá-lo com medo de ser “gankado” (quando outros players invadem sua lane, te deixando em desvantagem numérica) pelo time inimigo. É um erro absurdo e que normalmente pode ocorrer discussão dentro da sua equipe, já que auxilia tanto o seu time a fugir quanto retardar a velocidade de um inimigo fujão, já que os desacelera na faixa de 35% da circunferência do Totem. E como ele tem uma duração de 8 segundos é bom treinar o posicionamento dele também nos objetivos, como em uma coleta de tributos, por exemplo, onde a team fight rola solta na maioria das vezes.

Agora vamos ao Nexus!

De fato, Rehgar é excelente em cura e mobilidade. A cura dele não precisa nem ser comentada – até porque falamos no início da matéria – mas o dano dele auxilia muito a equipe, porém lembre-se: ele não é alguém que “cai dentro” da team fight como uma Sonya ou um Raynor da vida, tirando o máximo de dano possível dos seus inimigos. Ele dá um suporte ao dano nas team fights, logo, ele não tem a função desses personagens que citei por exemplo como muitos que jogam de Reghar esquecem, se tornando o alvo mais focado pelos inimigos -que de certa forma já é focado por ser suporte em si –  dando uma de assassino, facilitando o time inimigo a te matar. Uma mordida ali, um totem fincado lá naqueles assassinos ou suportes mal posicionados ajudará grandiosamente sua equipe, jogando recuado e atacando quando for a hora e estiver na posição certa, ainda irá se manter em uma certa zona de segurança com seu novo amigo Orc.

  • Você pode mandar seu guia de herói para a seção do leitor, nesse link aqui!

Tem alguma dica, comentário ou ideia em relação ao incrível do Rehgar para quem vai iniciar ou já joga com ele? Conte para a gente e ajude nossos novos companheiros do Nexus para uma melhor experiência in game! A comunidade agradece! <3

 

Lok’tar Ogar e nos vemos no Nexus!

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0